Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]

Portugueses na Holanda

O principal meio de informação em português na Holanda. Notícias, informação e ponto de encontro da comunidade portuguesa.

Portugueses na Holanda

O principal meio de informação em português na Holanda. Notícias, informação e ponto de encontro da comunidade portuguesa.

Mudanças Anuais

 

O próximo Orçamento de Estado da Holanda e planos para o futuro são já conhecidos.

A apresentação do documento decorreu ontem em Den Haag pelo Rei da Holanda e estes são os principais pontos a reter.

  • No sector da saúde e devido ao envelhecimento da população, o Governo quer investir mil milhões de Euros nos cuidados à terceira idade já em 2020 e mais 3 mil milhões a partir de 2021. A formação de novos profissionais para preencherem as vagas existentes neste sector é uma prioridade.
  • Reforma. O sistema de aposentadoria também irá sofrer mudanças. Mais investimento e um modelo de negócio serão implementados para permitir que as gerações futuras possam usufruir de uma reforma. O aumento da idade da reforma também será menos acentuada. Até agora, a idade da reforma aumentava um ano, por cada ano de aumento de esperança de vida. A partir de 2020 esse aumento de idade de reforma será de 8 meses por cada ano de aumento da esperança de vida.
  • Seguro de saúde. Como já falamos, o preço de um pacote básico do seguro de saúde, aumentará cerca de 3 euros por mês, 37 por ano, permitindo assim um preço mensal médio de 118,50 Euros mensais por um pacote básico de um seguro de saúde. Esta é apenas uma estimativa do Governo. O preço final será sempre da responsabilidade da sua seguradora. Para os que recebem o "zorgtoeslag" esse aumento do seguro será absorvido pelo aumento do subsídio, que será igual ao aumento anunciado. Os preços finais serão anunciados pelas seguradoras até 12 de Novembro.
  • Habitação. É um plano a dez anos, com cerca de 10 mil milhões de Euros para se gastarem neste sector problemático na Holanda. Os Municípios recebem assim subsídios para a construção de habitação, incluindo a habitação social. O Governo pretendo também associar o valor do aluguer de habitação, à terça parte do valor do WOZ, equivalente ao nosso IMI, para assim travar a subida desenfreada dos preços de aluguer.
  • Poder de compra. Embora o Ministro das Finanças, Wopke Hoekstra, não esteja tão optimista, o Governo incluiu no seu orçamento para 2020, um aumento de 2,1% do poder de compra, com especial beneficio para os trabalhadores por conta de outrem (2,4%). Para os reformados, esse aumento será menos sentido, ficando nos 1,1%.