Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]

Portugueses na Holanda

O principal meio de informação em português na Holanda. Notícias, informação e ponto de encontro da comunidade portuguesa.

Portugueses na Holanda

O principal meio de informação em português na Holanda. Notícias, informação e ponto de encontro da comunidade portuguesa.

E se as Eleições Fossem Hoje?

Imagem de Sebastiaan ter Burg sob licença (CC BY 2.0)

 

O estrago depois de uma semana turbulenta em que o futuro político do líder do VVD, Mark Rutte, está por um fio, é visível agora com a pesquisa de Maurice de Hond. No rescaldo do caos, o VVD perderia 6 assentos no parlamento holandês. De acordo com De Hond, um partido Omtzigt fictício poderia tornar-se o maior partido do país.

 

De Hond apresentou na manhã de domingo uma nova sondagem onde participaram quase 4.000 eleitores. Isto seguiu-se a uma semana em que Rutte teve sérios problemas devido a comentários e entrevistas sobre a posição do membro do parlamento do CDA, Pieter Omtzigt, durante a negociação para a formação de um novo governo. O ainda primeiro-ministro cessante, mas ainda não reeleito depois das eleições do passado dia 17 de Março, mal sobreviveu a uma Moção de Censura, mas deixou a Câmara dos Deputados com um Voto de Desconfiança por parte de todos os partidos, excepto do VVD.

O Binnenhof estremeceu profundamente esta semana, mas no final, o VVD continua a ser o maior partido do país na sondagem de De Hond. Os liberais baixaram de 34 para 28 cadeiras e o PVV também perdeu uma posição, somando entre eles sete cadeiras parlamentares perdidas (6 do VVD e 1 do PVV). Não há ninguém que realmente beneficie com isso. Os assentos vagos terminam em JA21 (2 assentos), D66, FvD, PvdD, Volt e BBB (todos com 1).

Sondagem Maurice de Hond Imagem Portugueses na Holanda

 

A necessidade entre os líderes dos vários partidos de ingressar num governo com Rutte como primeiro-ministro parece ser pequena. Além do próprio VVD, mais de metade deles neste momento, só vêem essa possibilidade com a inclusão do JA21 na coligação.

Partido Omtzigt

De Hond também pesquisou como os votos seriam distribuídos em algumas situações hipotéticas. A mais impressionante é a situação em que Omtzigt iniciaria o seu próprio partido. De acordo com a pesquisa, ganharia 27 lugares no parlamento, um a mais que o VVD . Um hipotético "Partido Omtzigt" seria então a maior força política do país. O partido fictício retiraria principalmente votos do PVV, CDA e VVD.

A pesquisa também mostra quantos assentos um VVD conseguiria com Tamara van Ark, a número 2 nas últimas eleições, como líder do partido. De Hond mostra que o VVD sairia das eleições com apenas 20 lugares. Isso confirma a imagem do VVD, onde não existe qualquer alternativa para Rutte como líder, neste momento.