Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]

Portugueses na Holanda

O principal meio de informação em português na Holanda. Notícias, informação e ponto de encontro da comunidade portuguesa.

Portugueses na Holanda

O principal meio de informação em português na Holanda. Notícias, informação e ponto de encontro da comunidade portuguesa.

Discriminação no Mercado Imobiliário em Den Haag

Imagem de Tumisu por Pixabay

 

O mesmo problema já tinha sido estabelecido em Amsterdam e Utrecht e parece agora que os agentes imobiliários de Den Haag usam das mesmas práticas. 57 por cento dos agentes imobiliários de aluguer em Den Haag estão dispostos a discriminar com base no histórico de migração ou orientação sexual, a pedido do senhorio. As evidências surgiram após uma pesquisa da agência de investigação RIGO em nome do município de Den Haag.

O uso de emails e telefonemas foram usados para determinar se era possível discriminar possíveis inquilinos. Além disso, os candidatos a proprietários (fictícios) telefonaram ou enviaram um e-mail a agentes imobiliários com clausulas discriminatórias para ver se concordariam com isso.

Mais de metade dos agentes imobiliários concordou em fazê-lo, um quarto nem sequer atendeu ao pedido ou demonstrou que seleccionar inquilinos desta forma não é permitido por lei.

Inaceitável e Punível

O vereador para a habitação Martijn Balster, considera os resultados inaceitáveis: "A discriminação cria uma divisão e oportunidades desiguais. Tomaremos medidas extraordinárias e combateremos com firmeza a discriminação."

A Gemeente de Den Haag quer fornecer melhores informações aos inquilinos para que possam apresentar uma reclamação de uma forma mais fácil e rápida se algo do género acontecer. O município também quer falar com os proprietários. Segundo o município, deve ficar claro para os agentes imobiliários que a discriminação é inaceitável e punível por lei.

O município também quer investigar até que ponto a discriminação pode estar ligada ao sistema de autorização de aluguer que Den Haag, Amsterdam, Utrecht, Rotterdam e Eindhoven usam para combater os abusos no aluguer de habitação. Este sistema de autorizações é usado, entre outras coisas, para combater os altos valores de aluguer, a má manutenção e a sobrelotação.

A investigação sobre a discriminação no mercado imobiliário de aluguer será repetida anualmente de forma aleatória.