Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]

Portugueses na Holanda

O principal meio de informação em português na Holanda. Notícias, informação e ponto de encontro da comunidade portuguesa.

Portugueses na Holanda

O principal meio de informação em português na Holanda. Notícias, informação e ponto de encontro da comunidade portuguesa.

Actualização na Apresentação de Testes Para Viagens à Holanda

Imagem de Rudy and Peter Skitterians por Pixabay

 

Uma actualização à obrigatoriedade de apresentação de teste negativo para viajar para a Holanda foi conhecida ontem, segunda feira. Permanece a obrigatoriedade de apresentação de um teste negativo, mas o passageiro terá a partir de agora duas opções à escolha.

 

Estas medidas foram actualizadas a 16 de Março

Artigo com a actualização de 16 de Março

Mantém-se então que os passageiros, com idade igual ou superior a 13 anos, que viagem para os Países Baixos a partir de um país de alto risco, incluindo Portugal neste momento, continuam com a obrigação de apresentar um resultado negativo a um teste à covid-19, mas passam a ter agora à disposição duas opções para fazerem prova de teste negativo. Estas medidas aplicam-se igualmente a quem viaja para os Países Baixos para fazer escala num aeroporto deste país.

  • Opção 1: Apresentação de apenas 1 teste.
    Os passageiros oriundos de Portugal e de outros países de alto risco, deverão apresentar resultado negativo a um teste molecular NAAT (PCR, RT PCR, LAMP, TMA or mPOCT) com base numa amostra recolhida menos de 12 horas antes da hora de embarque.

 

  • Opção 2: Apresentação do resultado de 2 testes.
    Os passageiros que não consigam apresentar um teste molecular NAAT (PCR, RT PCR, LAMP, TMA or mPOCT) negativo, realizado conforme indicado na opção 1, devem então fazer prova de teste negativo à Covid-19, mediante a apresentação de:
  1. Resultado negativo ao teste NAAT (PCR, RT PCR, LAMP, TMA or mPOCT), realizado até 72 horas antes da hora de chegada prevista aos Países Baixos;
  2. Resultado negativo a um teste rápido antigénio, realizado durante as 4h anteriores ao inicio previsto da viagem.

O resultado negativo do teste molecular NAAT (PCR) (PCR, RT PCR, LAMP, TMA ou mPOCT) deve ser em inglês, alemão, francês, italiano, português, espanhol ou holandês. Uma tradução do resultado do teste será aceite, desde que a tradução contenha a assinatura original ou carimbo do médico ou instituto que realizou o teste.

O documento deve incluir as seguintes informações:

  • Resultado do teste: o resultado do teste deve ser negativo (ou não detectado);
  • Seu nome e sobrenome, conforme consta em seu documento de viagem;
  • Data e hora da realização do teste: a amostra de teste deve ter sido recolhida no máximo 72 horas antes da hora de chegada prevista à Holanda;
  • Nome e informações de contacto do instituto ou laboratório que realizou o teste.

Para além da apresentação de resultado negativo à Covid-19, os passageiros que viajam por via aérea, devem ainda apresentar uma Declaração de Saúde, que pode ser descarregada aqui. Passageiros com idade inferior a 13 anos também necessitam de apresentar esta declaração de saúde preenchida. Algumas companhias aéreas permitem que você preencha esta declaração de saúde digitalmente ao fazer o check-in.

O governo holandês relembra ainda que viagens devem ser apenas realizadas em caso de extrema necessidade e urgencia. As viajens turísticas e de visita estão fortemente desaconselhadas. Informa ainda que se mantém a forte recomendação de quarentena de 10 dias à chegada aos Países Baixos.