Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]

Portugueses na Holanda

O principal meio de informação em português na Holanda. Notícias, informação e ponto de encontro da comunidade portuguesa.

Portugueses na Holanda

O principal meio de informação em português na Holanda. Notícias, informação e ponto de encontro da comunidade portuguesa.

A Mão Que Dá, A Mão Que Tira

 

 

A Mão Que Dá

A nova coligação prepara-se para governar o país. No acordo chegado na passada sexta-feira há novas propostas para os impostos directos e indirectos.

Uma destas propostas que poderá entrar em funcionamento em 2019 é a simplificação dos escalões de IRS (Belasting) sobre o rendimento do trabalho. Actualmente existem 4 escalões de IRS e a proposta da coligação é de apenas 2 escalões. Isso fará com que a maior parte dos salários médios e altos paguem menos impostos sobre o trabalho.

 

Na tabela da esquerda vemos a situação actual, na da direita a proposta apresentada pela coligação. Será assim uma redução de 5 mil milhões de Euros no IRS, deixando pouco espaço de manobra para o aumento de salário bi-anual, já que os rendimentos médios também irão ter uma tarifa mais baixa durante mais tempo. 

 

Para evitar uma maior diferença entre ricos e pobres que a nova tabela acentua, haverá também mudanças no que respeita ás hipotecas. As percentagens a pagar subirão consideravelmente.

 

A Mão Que Tira

Por outro lado, um país precisa dos impostos e para dar de um lado, terá de o tirar do outro.

Preparem-se por isso para um aumento da taxa de IVA (BTW).

A taxa mais baixa do IVA holandês é no momento de 6% e incide em produtos alimentares e de primeira necessidade. O aumento será de 3%, passando a taxa de BTW mais baixa para os 9%. A taxa de 21% manter-se-á igual.

 Quer isto dizer que produtos como leite, pão, fruta ou legumes, ficarão mais caros nos próximos tempos.

 

Outra medida apresentada é o novo esquema de acolhimento de refugiados. 

Refugiados que tenham o estatuto de permanência deixarão de ter o direito a receber os apoios monetários do Estado nos primeiros 2 anos, sejam eles Rendimento Mínimo (Bijstand), Subsidio de Renda (Huurtoeslag) ou Subsidio de Saúde (Zorgtoeslag). Continuarão a receber o apoio do Município na procura de habitação, seguro de saúde e ajuda no processo de integração.

 

Notícias em holandês:

NOS IRS

NOS IVA

 

Por uma comunidade forte, unida e informada.

Portugueses na Holanda Blog

Portugueses na Holanda Facebook

Grupo Trabalho na Holanda