Um blog para todos mas em especial para outros portugueses emigrados na Holanda, ou que ponderam a vinda. Notícias, informações, dúvidas, pode e deve fornecer e retirar neste espaço. Também pelo Facebook em www.facebook.com/portuguesesholanda
publicado por Alvaro Faustino, em 25.01.14 às 20:34link do post | | adicionar aos favoritos (1)

Jetta Klijnsma, Ministra dos Assuntos Sociais 

 Temos vindo a alertar para a importância de aprender o idioma holandês, tanto para os que pretendem vir para a Holanda como para os que já aqui residem, principalmente se a intenção é permanecer no país por um muito longo período de tempo. As instituições estatais tem vindo a mudar e a comunicar essencialmente em holandês, tal como tem vindo a ser a linha da pretensões do Governo.

Pois bem, chegou a altura que a pretensão vai ser proposta novamente como Decreto-Lei.

 

As pessoas que não falam o holandês, terão de o aprender para poderem reclamar benefícios sociais, segundo a Ministra dos Assuntos Sociais, Jetta Klijnsma. E quem não comparecer ás aulas ou não passar nos exames, verão os seus benefícios cortados de forma temporária. A medida inclui também os cidadãos de países da UE. Só não especifica quem pagará os custos das aulas de holandês.

 

Coligação

A aprendizagem do holandês poderá ser um dos critérios obrigatórios para o pedido do "subsidio de sobrevivência", o Bijstand. A proposta tem sido chumbada durante anos, mas mesmo assim foi incluída no acordo da coligação. No "subsidio de sobrevivência" incluem-se, por exemplo, o subsídio de desemprego, ww uitkering e o de incapacidade (física ou doença), o wao. O problema desta medida é chocar com a legislação internacional, nomeadamente a da UE e segundo a oposição é uma medida desnecessária, pois só o facto de procurar um trabalho implica a aprendizagem do holandês, um dos critérios pedidos pelos empregadores hoje em dia.

 

Critérios Apertados

Este plano faz parte de uma corrente de medidas que visam tornar mais difícil o acesso a este tipo de "subsidio de sobrevivência". Outras propostas incluem a aceitação de trabalho, mesmo que isso implique a mudança de casa ou uma viagem casa-trabalho-casa de três horas diárias e que tenham uma apresentação a condizer com o tipo de trabalho que efectuarão. Também será pedido qualquer tipo de trabalho voluntário a favor da comunidade de forma a continuarem a receber o subsídio. Segundo a cadeia de televisão NOS, a ala direita da coligação propõem igualmente a aceitação de trabalho sazonal de forma a evitar cortes.

 

O sector da horticultura emprega milhares de trabalhadores sazonais, especialmente polacos e outros países de Leste, devido à falta de interesse dos locais para este tipo de trabalho.

Durante o debate no Parlamento esta última quarta-feira, os deputados dos dois partidos Liberais e do Eurocéptico PVV, gostariam incluir igualmente o sector da agropecuária nesta medida.

 

Notícia retirada:

DutchNews (em inglês)

 

Por uma comunidade forte, unida e informada.

Portugueses na Holanda Blog

Portugueses na Holanda Facebook

Portugueses na Holanda Email

Portugueses na Holanda Comentários no Blog e Facebook

Grupo Trabalho na Holanda


Jorge a 30 de Janeiro de 2014 às 01:25
antes de mais, parabéns pelo excelente trabalho em prol da comunidade portuguesa nos PB.

Pretendo ir viver na Holanda dentro de muito pouco tempo. Já estou ao corrente dos procedimentos necessários para o poder fazer, e a questão da língua será ultrapassável, pois o meu inglês é fluente e não estou completamente "a zeros" quanto ao neerlandês - tive um ano de "curso livre" de Língua e Cultura Neerlandesa na Universidade.

Contudo, ainda não consegui emprego. Concorri recentemente, a partir de Portugal, a uma vaga em Amesterdão, mas não fui seleccionado. Assim, peço-vos uma opinião, certamente consolidada pelas vossas experiências, sobre a viabilidade da minha ida para a Holanda mesmo sem ter ainda trabalho.
(E estou também informado sobre a situação social e económica actual da Holanda).

Para o enquadrar melhor, alguns dados sobre mim:
- solteiro, 37 anos;
- desempregado, fui professor (ensino secundário) e trabalhei na área da cultura; licenciado e com pós-graduação;
- disponho de meios que me permitem estar... digamos, na pior das hipóteses vários meses a viver na Holanda enquanto procurasse emprego;
- estou disponível para trabalhar em diversas áreas, e claro que não penso limitar-me às minhas áreas de formação.

Portanto, com todos estes dados, o que me aconselhariam a fazer? É geralmente difícil e moroso conseguir um trabalho, mesmo que temporário, ou nem por isso? (Entretanto teria que aprender "a sério" o neerlandês (no problem!)

Aceitam-se WAG (Wild A** Guesses) :)
Ah, e não tenho facebook, mas se for necessário - p. ex. para aceder à página da comunidade PT - fá-lo-ei.
Jorge

Ivan a 28 de Janeiro de 2014 às 14:09
E dizem-se tolerantes. Pois pois. Querem que os imigrantes que já por si fazem o que eles não quer fazer como que paguemos a crise deles por eles. Escravos portanto, no meu trabalho e no de muitos conhecidos o holandês joga telemóvel e imigrante trabalha que nem uma mula. Graças a Deus que só aqui estou temporariamente, pois cada ano que passa mais me desilude este país e este povo.

Andorinha a 27 de Janeiro de 2014 às 16:24
Quero-lhe agradecer a informação que aqui disponibiliza. É duma organização e duma utilidade a toda a prova!
Se não se importa, coloquei uma série de links no meu blog pro seu, poupou-me imenso trabalho!
MUITO OBRIGADA!!!
Sofia

Alvaro Faustino a 4 de Fevereiro de 2014 às 20:01
Pois concerteza. A informação está aqui para ser partilhada.

Andorinha a 4 de Fevereiro de 2014 às 21:16
O Alvaro é que faz o verdadeiro serviço público! Parabéns! Um abraço, Sofia

Carlos amaro a 26 de Janeiro de 2014 às 17:27
Pois isso è tipico holandes ,quando faz falta pra economia todos são bem-vindos todos podem trabalhar e PAGAR os respetivos impostos sem \"ninguém\" se preocupar se falas ou não a língua mas depois pra poder pedir parte daquilo que se pagou (e bem ) já tem que se falar a língua enfim...

Entre em Contacto
Portugueses na Holanda no Facebook
pesquisar
 
Janeiro 2014
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2
3
4

5
6
7
8
9
10
11

12
13
14
15
16
17
18

19
20
21
22
23
24

26
27
28
29
30
31


Links de Interesse
Comentários Recentes
Olá Carlos. Pode através dos links de agências imo...
Olá boa tarde antes de mais felicitações pro blogu...
Olá Ricardo. Sobre as leis de trabalho na Alemanha...
Ola Boa Noite,Estou a terabalhar ja ha 3 anos na h...
Gostaria de saber que direitos tenho e o que devo ...
Olá Ana. Para procurar trabalho, use uma das nossa...
Bom dia, o meu marido encontra-se a trabalhar em R...
Ola estou a morar na Holanda ha 3 meses. Trabalho ...
Caro José. Uma vez que é a Holanda que lhe irá pag...
Boa noite no caso de ser despedido poderei receber...
Tráfego internet
blogs SAPO