Um blog para todos mas em especial para outros portugueses emigrados na Holanda, ou que ponderam a vinda. Notícias, informações, dúvidas, pode e deve fornecer e retirar neste espaço. Também pelo Facebook em www.facebook.com/portuguesesholanda
publicado por Alvaro Faustino, em 15.01.17 às 14:31link do post | | adicionar aos favoritos

 

A primeira impressão aos recém-chegados é a diferença dos sistemas de saúde holandês e português.

E a primeira grande diferença é a obrigação de adquirir um seguro de saúde na Holanda. Não há excepções. Para quem vive ou trabalha na Holanda, é mandatário.

No nosso caso, nacionais portugueses, logo comunitários, estamos obrigados a contratar um seguro básico de saúde até quatro meses após o nosso registo no Município. E acreditem. Eles sabem se estão registados e com seguro em dia.

Se estão a trabalhar através de uma empresa e contrato português e estão destacados temporariamente na Holanda, não estão obrigados a adquirir um seguro de saúde na Holanda, mas há outras formalidades a seguir. Ver Trabalhadores Destacados no Estrangeiro.

 

Estudantes

Os estudantes portugueses na Holanda não estão sempre obrigados a contratar um seguro de saúde. Existem algumas excepções, que dependem essencialmente da duração da estadia, se estão a realizar trabalho ou estágio e se estão seguros em Portugal.

No fundo, os estudantes portugueses têm três hipóteses relacionadas com as excepções acima descritas:

  1. Contratar um Seguro de Saúde na Holanda.
  2. Ter na posse um Cartão de Saúde Europeu válido.
  3. Ter na posse um Seguro de Saúde Privado válido.

Para mais informação, consulte a página Study in Holland (em inglês).

 

Sistema de Seguradoras na Holanda

Como habitual na Europa, o Governo da Holanda é responsável pela qualidade e acesso ao Sistema de Saúde no país, mas ao contrário dos outros países Europeus, não é responsável pela sua gestão.

O novo sistema de saúde holandês foi criado em Janeiro de 2006 e é uma combinação de sistemas públicos e privados de saúde, construídos nos princípios de igualdade social, solidariedade, eficiência e valor para o paciente. 

O seguro de saúde na Holanda é mandatário para quem vive ou trabalha na Holanda e serve para cobrir os custos de saúde de cada individuo.

Com as devidas excepções, regra geral, todos os estrangeiros na Holanda têm de ter um seguro de saúde, mesmo que estejam cobertos no seu país.

O sistema de saúde na Holanda é financiado através das taxas obrigatórias dos seguros e da tributação dos rendimentos.

Depois do registo no Município, tem quatro meses para contratar um pacote básico de seguro e saúde (basisverzekering).

 

Prémio e Franquia

Ao contratar um seguro, passa a ter dois principais custos:

  • O prémio de seguro (premie), de valor fixo, pago mensalmente através de débito directo ou factura em papel ou email.
  • A franquia (eigen risico), um valor anual de 385 Euros anuais (2017). Um custo para o pagamento dos seus custos de tratamentos. Quer isto dizer que os primeiros 385 Euros de custos hospitalares ficam a cargo do segurado, sendo que o restante valor é pago pela seguradora.
  • Para além desta franquia obrigatória, existe uma voluntária e facultativa (vrijwilling risico), onde o segurado paga um valor extra anual, até aos 800 Euros, tendo desconto no prémio mensal do seguro.

Se não tiver qualquer custo hospitalar ou médico durante o ano, não pagará estas franquias.

 

Que Acontece Se Não Contratar um Seguro

Se não contratar um seguro ao fim de quatro meses após o seu registo no Município e as autoridades tomarem conhecimento dos factos, receberá uma carta em casa, do Zorg Instituut Nederland, com o pedido para realizar um contrato com uma seguradora nos próximos três meses.

Caso falhe na contratação do seguro nestes três meses, receberá outra carta com uma multa a rondar os 366 Euros (valores de 2016). Ao fim de seis meses, caso continue a não ter seguro, receberá uma outra carta com uma outra multa de mesmo valor.

Se ao fim de nove meses, a contar da primeira carta, não contratar um seguro de saúde, o próprio Zorg Instituut contrata um em seu nome e fará o débito directamente do seu salário.

Caso adoeça ou precise de tratamento hospitalar e médico e não tenha seguro de saúde, todos os custos inerentes terão de ser pagos pelo próprio.

 

Tipos de Seguro

Existem dois:

  • O seguro básico mandatário (basisverzekering).
  • Pacote opcional (aanvullende verzekering)

 

Seguro Básico Mandatário

Os seguros básicos são iguais para todas as seguradoras e são decididas pelo Governo.

Estes seguros básicos tem um custo a rondar os 100 Euros mensais e cobrem:

  • Consultas com médico de família (huisarts).
  • Internamentos hospitalares, cirurgias e tratamentos hospitalares (ziekenhuis).
  • Transporte de doentes e ambulância (ambulancevervoer).
  • Receitas médicas (medicijnen).
  • Testes clínicos (sangue, bloedonderzoek).
  • Tratamento dentário para crianças menores de 18 anos (tandarts).
  • Tratamento dentário a maiores de 18 anos, limitados a cirurgia dentária, raios-x dentários e dentaduras.
  • Tratamento psiquiátrico (geestelijke gezondheidszorg).
  • Consultas de especialidade médica, tais como dermatologia, alergistas e especialistas internos (medisch specialist).
  • Gravidez, parto e serviços de parteira (zwangerschaps- en geboortezorg).
  • Cuidados de maternidade (kraamzorg).
  • Tratamentos de fertilidade (vruchtbaarheidsbehandelingen).
  • Cuidados com deficiência (gehandicaptenzorg).
  • Geriatia (ouderenzorg).
  • Enfermagem ao domicilio (wijkverpleging).
  • Alguns serviços terapêuticos, tais como, terapia da fala, terapia ocupacional e dietista.
  • Fisioterapia para desordens crónicas, cobertas a partir do 21º tratamento (fysiotherapie).

 

Seguro Básico e Franquia

Nota importante: A maioria dos serviços acima descritos requerem o pagamento da franquia (eigen risico).

A excepção, são os seguintes serviços:

  • Consultas com médico de família (huisarts).
  • Tratamento dentário e fisioterapia a menores de 18 anos.
  • Gravidez, parto e serviços de parteira (zwangerschaps- en geboortezorg).
  • Cuidados de maternidade (kraamzorg), no entanto, estes serviços por vezes requerem o pagamento de uma taxa horária.

As actualizações podem ser encontradas no Governo da Holanda.

 

Pacote Opcional

Caso pretenda serviços ou tratamentos adicionais, terá de contratar os pacotes opcionais e é aqui que as seguradoras (zorgvezekeraars) competem entre si, para lhe fazer chegar os melhores serviços para o seu estilo de vida ou necessidades.

Alguns exemplos destes pacotes opcionais incluem:

  • Tratamento dentário a maiores de 18 anos, incluindo exames dentários, enchimentos, higiene dentária, limpeza e implantes dentários.
  • Cuidados de saúde em viagens ao estrangeiro.
  • Tratamento médico alternativo, tais como, acupunctura, quiromancia, homeopatia (alternatieve geneeswijzen).
  • Vacinas fora do programa nacional (vaccinaties).
  • Contracepção (anticonceptie).
  • Óculos e lentes de contacto (brillen en lenzen).
  • Aparelhos auditivos (gehoorapparaten).
  • Cirurgia plástica (plastische chirurgie).

 

Médico de Família

Depois de contratar um seguro de saúde, deve de seguida registar-se num médico de família.

A partir daqui torna-se mais fácil realizar uma consulta para seguir a sua saúde. Mesmo precisando tratamento especializado, deve primeiro consultar o seu médico de família que o reencaminhará para o tratamento, clínica ou hospital.

Para encontrar um médico de família, deve procurar através da Internet, escrevendo "huisarts" e o nome da cidade.

Será também aconselhável fazer um registo na farmácia da sua área. Torna assim mais fácil a comunicação entre médico de família, hospital e farmacêutico, ficando este último, com um registo histórico das suas medicações.

 

Crianças e o Sistema de Saúde

Os menores de 18 anos também terão de ter um seguro de saúde, normalmente associado ao seguro de um dos pais, mas poderá ser de outra seguradora. Os seguros para menores de 18 anos são gratuitos, sem prémio mensal ou franquia. Só a partir do primeiro mês depois dos 18 anos, pagará o prémio mensal e a franquia anual.

Os recém nascidos deverão inscrever-se numa seguradora até aos 4 meses depois do nascimento.

 

Dicas e Sugestões

  • Os seguros de saúde são obrigados por Lei a fornecer o pacote básico. Não poderá ser recusada devido a género, idade ou perfil médico.
  • Apenas é permitida a mudança de seguro de saúde uma vez ao ano, regra geral, no final de cada ano, em Dezembro.
  • Se o seu rendimento for abaixo de um certo limite, é provável que tenha direito a um subsidio por parte do Estado (zorgtoeslag).
  • Algumas empresas têm acordos colectivos com companhias de seguro, oferenço vantagens ou descontos aos seus empregados.
  • Tome atenção que em alguns serviços poderá encontrar uma lista de espera.
  • É expectável que todos os médicos falem inglês.

 

Principais Companhias de Seguro de Saúde

Holanda:

Internacional, válidos na Holanda:

Subsidio:

Para o pedido de subsidio (zorgtoeslag) deverá contactar Belastingdienst (em holandês). O pedido pela internet só é possivel com um DigiD.

Por uma comunidade forte, unida e informada.

Portugueses na Holanda Blog

Portugueses na Holanda Facebook

Grupo Trabalho na Holanda


publicado por Portugueses na Holanda, em 08.01.17 às 13:22link do post | | adicionar aos favoritos

Polémicas à parte. Todos os Homens erram. Todos os Homens são heróis.

Mário Soares, antigo Primeiro-Ministro e Presidente da Republica de Portugal. Lutador pela democracia, inimigo da Ditadura de Salazar, fundador do PS. Hoje estamos aqui na Holanda devido ao trabalho por ele iniciado, na entrada de Portugal para a União Europeia e Espaço Schengen, que nos permite estar aqui neste país emigrados, livres e em democracia, com direitos e deveres iguais aos restantes comunitários da união.

Com todos os altos e baixos da sua carreira, não podemos tapar os olhos ao que hoje temos e conquistamos em democracia e liberdade.

 

A Mário Soares, os Portugueses na Holanda apenas querem dizer: Obrigado.

 

Por uma comunidade forte, unida e informada.

Portugueses na Holanda Blog

Portugueses na Holanda Facebook

Grupo Trabalho na Holanda


publicado por Portugueses na Holanda, em 01.01.17 às 09:39link do post | | adicionar aos favoritos

Feliz 2017.

E estamos a 1 de Janeiro do novo ano de 2017 e como é "tradição" é o primeiro dia dos aumentos anuais. Não só o nosso salário será ligeiramente maior, mas também alguns dos nossos gastos e impostos sobem. Mas nem tudo são más noticias neste primeiro de Janeiro. Também haverão benefícios sociais que aumentam.

 

RENDIMENTO

  • O salário mínimo para maiores de 23 anos, sobe 2.2%, para os €1409.93 netto (€1537.20 bruto).
  • O segundo escalão de impostos sobe dos 40.4% para 40.8%.
  • O imposto de 1.2% sobre activos será completamente reformulado e será substituído por três taxas. Os primeiros €25.000 de activos serão isentos, os seguintes, até €75.000, serão taxados a 0.87%. Até €975.000, a taxa é de 1.41% e acima disso, 1.65%.
  • A idade da pensão estatal sobe para 67 anos e 9 meses e os valores a receber subirão para os €1199 para uma pessoa singular e €1640.36 para um casal.
  • O subsidio de desemprego para quem ficar desempregado no primeiro trimestre de 2017, será pago até a um máximo de 33 meses. Um mês a menos que em 2016.
  • O valor máximo de subsidio de saúde (Zorgtoeslag) sobe €5 por mês, até €88.

FAMÍLIA

  • Os valores das creches subirão para €8.18 à hora para as creches e €6.69 para o BSO, até a um máximo de €230 por mês.
  • O Abono de Família sobe ligeiramente para os €198.38 para crianças abaixo dos seis anos, €240.89 para crianças entre os seis e doze anos e €283.40 para as restantes até aos 18. Os valores são trimestrais.
  • Para as famílias de baixos rendimentos, o complemento familiar sobe €100 anuais, fazendo que o primeiro filho receba €1142 anuais. 
  • Estudantes que sigam um colégio MBO, poderão pedir o cartão de viajem para estudantes.

HABITAÇÃO

  • As doações até €100.000 estarão isentas de taxas, desde que a doação seja direccionada para habitação de pessoas com idades entre os 18 e 40 anos. A doação também poderá ser dividida por três anos.
  • A percentagem de crédito habitação desce dos 102% para os 101% do valor patrimonial.
  • A redução do imposto hipotecário para os titulares com rendimentos acima dos €67.072 é cortado em 0.5% para os 50%.
  • A Nationale Hypotheekgarantie, a garantia nacional de hipotecas, irá cobrir casas de valor até €247.450.
  • A Vereniging van Eigenaren, a associação de proprietários, passará a estar obrigado por Lei, a reservar 0.5% anuais do valor estimado para uma renovação do edifício.
  • Os custos energéticos poderão subir cerca de €56 por ano, sendo que metade desse aumento será devido à subida de taxas.
  • As rendas sociais aumentam 2.8% para famílias de baixo rendimento e 4.3% para as restantes.
  • O subsidio de renda (Huurtoeslag) aumenta €10.50 mensais.

OUTRAS MUDANÇAS

  • Todas as companhias de seguro terão de disponibilizar um balcão para queixas e todas as companhias de seguro de saúde serão obrigadas por Lei a informar os seus pacientes se alguma correu mal durante os seus tratamentos.
  • Os benefícios fiscais para carros de empresa híbridos desaparece. Apenas carros 100% eléctricos continuarão a receber esse beneficio até os 4%.
  • Bicicletas eléctricas de alta velocidade passam a ter de usar matricula
  • A Policia passa a ter o direito de realizar testes de álcool e droga a suspeitos sempre que se verifique uma detenção violenta do mesmo. 
  • Refugiados com Permissão de Residência deixam de ter prioridade no acesso à habitação social a partir de Abril.
  • Empresas que tenham negócios com o Governo, passarão a ter de emitir facturas electrónicas.
  • Um único pacote de regras e leis irá substituir as actuais três leis que regulam a protecção da natureza e vida selvagem.

Noticia original (em inglês): Dutch News

Por uma comunidade forte, unida e informada.

Portugueses na Holanda Blog

Portugueses na Holanda Facebook

Grupo Trabalho na Holanda


publicado por Portugueses na Holanda, em 30.12.16 às 19:29link do post | | adicionar aos favoritos

Maria de Fátima em um espectáculo ao vivo com os seus músicos

Um fantástico artigo da nossa querida e colaboradora, a jornalista Sónia Graça, publicado hoje no jornal Público, sobre Maria de Fátima. A fadista portuguesa que encantou a Holanda com o seu Fado.

 

"Começou a cantar aos nove anos, aos 14 venceu a Grande Noite do Fado e aos 20 emigrou para a Holanda. Ao longo de mais de três décadas passadas a cantar em igrejas, teatros e grandes salas de Amesterdão, Maria de Fátima ganhou o coração dos nórdicos. Uma arma secreta, dizem os críticos."

 

Leia a reportagem completa em:

Maria de Fátima, uma 'arma do fado' na Holanda

 

Por uma comunidade forte, unida e informada.

Portugueses na Holanda Blog

Portugueses na Holanda Facebook

Grupo Trabalho na Holanda


publicado por Alvaro Faustino, em 29.12.16 às 20:46link do post | | adicionar aos favoritos

 Em Rotterdam é lançado o Fogo de Artificio oficial da Holanda na Passagem de Ano

Aproxima-se a grande noite de Fim de Ano na Holanda e como de costume e tradição, o lançamento de fogo de artificio por parte da população é um momento alto das festividades.

E mais uma vez, os vários avisos das autoridades e Municípios, para com a segurança deste tipo de lançamento, fazem-se ouvir. A intenção é que seja uma noite de festa e não de idas ao hospital.

O primeiro aviso, protecção ocular: Existem à venda em vários locais, óculos de protecção, para que as faúlhas não entrem para os olhos. É aconselhável ás pessoas que os lancem e ás crianças.

Protecção contra fogo: Aconselhável ás pessoas que os lançam. É aconselhável ter pelo menos uma manta anti-fogo nas imediações para o caso das nossas roupas pegarem fogo.

Protecção contra o barulho: Para quem lança, o uso de protecção para os ouvidos é aconselhável, principalmente se lançarem fogos de artificio de grande calibre.

E por último, estar atento ás Zonas Livres no seu Município. Este ano, 77 Municípios irão ter uma ou mais Zonas Livres. Nestas Zonas Livres, é absolutamente proibido o lançamento de fogo de artifício. Outra regra importante: O horário oficial para o lançamento e uso de fogos de artificio é entre 31 de Dezembro das 18.00 a 1 de Janeiro ás 02.00. O uso de fogo de artificio fora deste horário é proibido. 

As Zonas Livres estão identificadas com o seguinte sinal:

Caso verifique situações perigosas ou fora das regras nacionais e regionais, pode e deve contactar as autoridades para a denuncia destas situações.

Para além dos 77 Municípios, as Zonas Livres das quatro maiores cidades da Holanda, são as seguintes: 

Amsterdam:

CENTRUM
Poezenboot - Singel 38
Artis - Plantage Kerklaan 36
Kinderboerderij de Dierencapel - Bickersgracht 207

NOORD
Dierenpension Amsterdam-Noord - Termietergouw 12
Manege Zunderdrop - Broekergouw 1
Kinderboerderij de Buiktuin - Noordhollandschkanaaldijk 19
Manege Fort Noord - Vikingpad 24
Kinderboerderij de Bokkesprong - Heggerankweg 87
Manege - Liergouw 54

OOST
Kinderboerderij Jeugdland Oost - Valentijnkade 131
Kinderboerderij De Werf - Archimedeslaan 59
Manege Waveren - Zuider IJdijk 20

WEST
Zimmerhoeve Kinderboerderij - Schimmelstraat 44
Buurtboerderij Ons Genoegen - Spaarndammerdijk 319
Hollandsche Manege - Overtoom 177
Paardenschool Kakelbont - Spaarndammerdijk 318
Kinderboerderij Westergasfabriek - Overbrakerpad 10
Kinderboerderij Nieuw Bos en Lommer - Wachterliedplantsoen 1

NIEUW-WEST
Dierenhotel Pocahondas - Lutkemeerweg 300
Dierenopvangcentrum Amsterdam - Ookmeerweg 271
Paardenopvang - Osdoperweg 663
Kinderboerderij Sloterpark - President Allendelaan 2
Manege - Bok de Korverweg
Manege - Dubbele Buurt 64
Kinderboerderij De Strohalm - Cort van der Lindenkade 5
Manege Geuzeneiland - Geleyn Bouwenszstraat 2
Kinderboerderij Uktuktuk - Botteskerksingel 30B
Manege Het Molenpaardje - Lutkemeerweg 46
Kinderboerderij de Uylenburg - Staalmeesterslaan 420
Manege De Ruif - Sloterweg 675

ZUIDOOST
Vogelopvang De Toevlucht - Bijlmerweide 1
Kinderboerderij 't Brinkie - Meerkerkdreef 27
Prins Willem Alexander Manege - Loosdrechtdreef 9
Manege APC Waveren - Provincialeweg 56

ZUID
Kinderboerderij De Pijp - Lizzy Ansinghstraat 82
Kinderboerderij Amstelpark - Amstelpark 17

 

Rotterdam:

IJsselmonde
- Kinderboerderij de Kooi
- Verzorgingstehuizen:
  Lelie Zorggroep – de Koningshof
  Lelie Zorggroep – Oranjehof
  Aafje – De Twee Bruggen
  Aafje – Meerweide
  Aafje – Smeetsland
  Laurens – Dijkveld
  Laurens – woonzorgcentrum Zomerhoek
  Laurens – Psychiatrisch Verpleeghuis Aesopus
  Humanitas – de IJsselburgh 
  Humanitas IJsselmonde – De Wetering
  Humanitas IJsselmonde – Jan Meertensflat
  Sonneburgh Verzorgingshuis Ravenswaard
- Het terrein rondom het Maasstad Ziekenhuis
- AZC Rotterdam

Delfshaven
- Het Dakpark
- Kinderboerderij de Bokkesprong

Charlois
- Het Zuiderpark

Centrum
- Stadhuisplein
- Omgeving Erasmusbrug

Feijenoord
Omgeving vuurwerk Erasmusbrug
- De Feijenoordse kade: ten westen van de Erasmusburg tot aan het Koninginnehoofd
- De Feijenoordse kade: ten oosten van de Erasmusbrug tot aan het havenhoofd van de Spoorwegen
- Noordereiland: Van der Takstraat, Maaskade, Prinsenhoofd, Prins Hendrikkade

Rozenburg
- Raadhuisplein en omgeving
- De Landtong
- Kinderboerderij de Beestenboel
- Entree woonzorgcentrum Blankenburg

Hoogvliet
- Kinderboerderij de Oedenstee
- Manege Hoogvliet
- Het Ruigenplaatbos
- Oudelandse park

Prins Alexander
- Manege de Prinsenmolen
- Kinderboerderij de Blijde Wei

 

Den Haag:

Centrum
– Festivalterrein Hofvijver
– MCH Westeindeziekenhuis
– Stadsboerderij Woelige Stal
– Stadsboerderij Schildershoeve
– Kinderboerderij ’t Beestenspul
– Stadsboerderij Jacobahof

Escamp
– Haga Ziekenhuis Leyweg / Juliana Kinderziekenhuis
– Stadsboerderij Op den Dijk
– Stadsboerderij Herweijerhoeve
– Buurtboerderij Nijkamphoeve
– Dierencentrum Lozerlaan
– Knaagdierenopvang Westhovenplein

Haagse Hout
– Ziekenhuis Bronovo
– Stadsboerderij Reigershof

Laak
– Stadsboerderij Molenweide

Leidschenveen-Ypenburg
– Stadsboerderij Landzigt

Loosduinen
– Stadsboerderij Kakelhof
– Kinderboerderij Pluk
– Vogelopvang Meer en Bos

Scheveningen
– Stadsboerderij ’t Waaygat
– Kinderboerderij Beestenboel Tesselweide

Segbroek
– Haga Ziekenhuis Sportlaan
– Stadsboerderij Gagelhoeve

 

Utrecht:

- De Voorveldse Polder

 

Se vive numa outra cidade, terá de se informar com as autoridades ou Município.

 

Por uma comunidade forte, unida e informada.

Portugueses na Holanda Blog

Portugueses na Holanda Facebook

Grupo Trabalho na Holanda


publicado por Portugueses na Holanda, em 09.07.16 às 21:05
editado por Alvaro Faustino em 18/07/2016 às 16:50link do post | | adicionar aos favoritos

 

É uma organização europeia muito pouco conhecida, mas de uma extrema importância para as autoridades europeias. E onde trabalham alguns portugueses.

Com sede em Den Haag (Haia), na Holanda, é uma organização de cooperação judiciária para crimes graves, tais como terrorismo, tráfico de seres humanos ou fraudes fiscais.

Partilhamos a entrevista a António Cluny, procurador que representa Portugal no Eurojust, publicada no jornal Publico, realizada pela nossa mais recente colaboradora no Blog, a jornalista Sónia Graça, que a partir de agora, também irá escrever neste espaço.

 

Para ler a entrevista, clique em Publico.

Estamos também disponíveis para receber sugestões vossas, para dar a conhecer os problemas, ideias, trabalhos e sucessos da nossa comunidade na Holanda.

Se acham que têm uma história que deveria ser partilhada, entrem em contacto através do nosso email ptnanl@sapo.pt. Nós queremos, cada vez mais, chegar à realidade da nossa comunidade imigrada na Holanda.

 

Por uma comunidade forte, unida e informada.

Portugueses na Holanda Blog

Portugueses na Holanda Facebook

Grupo Trabalho na Holanda

 

 


publicado por Portugueses na Holanda, em 18.06.16 às 12:43link do post | | adicionar aos favoritos

 

Aproxima-se o dia em que se decide o futuro em muitas frentes. O dia do Referendo sobre a saída ou permanência do Reino Unido na União Europeia, o Brexit.

Com o aproximar do dia do referendo, aumentam também os receios e medos das comunidades imigradas, das empresas sediadas e da economia mundial.

No fundo, ninguém sabe o que se poderá passar se o Reino Unido votar no sim à saída da UE.

É claro que a pergunta se coloca em todos os países da UE. Mas, o que tem a dizer a Holanda sobre o assunto? Quais os receios do país em relação a este assunto?

 

Imigração

Este é talvez o ponto mais importante com que as comunidades se debatem. Portuguesa incluída.

A saída do Reino Unido representará para muitos o fim da possibilidade de viverem e trabalharem no Reino Unido. Com a saída, os direitos de livre circulação de pessoas cessa e quem não estiver no país legalmente há pelo menos 5 anos, não poderá permanecer no território sem um devido visto de permanência.

Mas o contrário também se poderá passar. Cidadãos britânicos poderão perder também a sua livre circulação por território da UE.

 

Economia

Um outro ponto importante. Talvez não tanto para os restantes países, mas mesmo assim, talvez significante a nível mundial.

A saída do Reino Unido da UE, implica também a saída do espaço de livre circulação de bens e transacções bancárias. Quer isto dizer que, qualquer transacção bancária ou negócio, será taxado em alfandega. Será mais caro importar e exportar produtos para o Reino Unido.

Em termos empresariais, este assunto é visto com muito receio. Londres é conhecida por ser a capital financeira da Europa, onde várias empresas de renome e internacionais tem os seus escritórios na Europa. Com o Brexit a acontecer, esta realidade poderá mudar. E há já cidades que poderão ser as próximas capitais económicas.

Pela proximidade, Paris é uma delas. Mas pela posição mais central e facilidade de acesso, Amsterdam é outra forte candidata a receber as grandes empresas que saiam da capital londrina. Esta medida trará um forte acréscimo ao PIB holandês.

 

O Nedxit

Mas, se depois do Reino Unido, a Holanda também sair da UE?

Bom, a Holanda, para já não corre esse risco. A saída do Reino Unido implica um percurso, que embora legislado nas leis europeias e rectificado no Tratado de Lisboa, é mesmo assim, um caminho pantanoso e perigoso. Os outros países da UE quererão ver a facilidade ou dificuldade económica e social de uma medida semelhante.

Para além disso, não há na Holanda um forte sentimento político para a saída da UE. Apenas o PVV, um partido eurocéptico e anti-imigração, é favor de uma medida semelhante, mas sendo este um partido minoritário, não tem ainda força para impor na sociedade uma medida deste género.

 

Mas sim, nós como comunidade imigrada na Holanda, devemos estar atentos aos desenvolvimentos e possibilidades para o futuro.

 

Notícia redigida com base:

Jornal NRC (holandês)

Jornal JN (português)

 

Por uma comunidade forte, unida e informada.

Portugueses na Holanda Blog

Portugueses na Holanda Facebook

Grupo Trabalho na Holanda


publicado por Alvaro Faustino, em 30.05.16 às 17:44link do post | | adicionar aos favoritos

 

Como será o futuro na Holanda? Iremos parar de trabalhar aos 60 anos? Ou continuaremos a trabalhar até aos 80? Ou mais, se vivermos ainda mais?

 

Jovens trabalhadores entre os 20 e os 35 anos começam agora as suas carreiras. 12% destes jovens, julgam mesmo ter de trabalhar até à morte. Metade dos jovens, em qualquer dos casos, pensa ter de trabalhar até bem depois dos 70 anos. A Holanda está por isso dentro de uma média a nível mundial, de um inquérito global realizado pela Manpower, a gerações nascidas entre 1980 e 1995.

No Japão, um dos países mais envelhecidos do Mundo, a maioria dos jovens pensa que nunca irá para de trabalhar. 37% julgam mesmo que nunca irão ter reforma sequer.

 

Na Holanda, a antiga idade de reforma aos 65 anos, já há muito acabou e os jovens de entre os 20 e os 35 anos só a irão ver aos 72 anos, se não houverem mudanças nos cálculos e regras.

 

Michiel Hietkamp da central sindical CNV Jongeren, diz que "os jovens não sabem bem como funciona o sistema de pensões e isso é normal para quem tem esta idade."

Também para quem é ZZP, não será necessário trabalhar até morrer, mas tantos uns como outros terão de começar a pensar no futuro, com um bom plano de reforma. E os fundos de pensão privados, os chamados de pensioenfonds, são sempre uma hipótese. 

"Esperar pelos 60 anos para começar, é esperar até ser tarde demais", Diz Michiel Hietkamp.

 

Importante será também, uma vez que teremos de trabalhar mais tempo, uma continua aprendizagem e actualização no seu trabalho. E não esquecer de aprender coisas novas. Já que vamos trabalhar mais tempo, não quer dizer que seja a fazer sempre a mesma coisa..

 

Notícia original:

Metro Nieuws (holandês)

 

Por uma comunidade forte, unida e informada.

Portugueses na Holanda Blog

Portugueses na Holanda Facebook

Grupo Trabalho na Holanda


publicado por Alvaro Faustino, em 29.05.16 às 17:19link do post | | adicionar aos favoritos

O blog  Portugueses na Holanda em parceria com o site de empregos Neuvoo, destaca 6 vagas de empregos para portugueses na Holanda:

 

Program Manager

 

Techinical Support Representative

 

Senior Solution Engineer

 

Ecommerce Graphic Designer

 

Logistic/ Indirects Analyst

Solution Manager

 

Quer ver mais vagas disponíveis na Holanda? Entre no site da Neuvoo.

Veja vagas em outros países:

 

Emirados Árabes Unidos | Argentina | Áustria | Austrália | Bélgica | Bahrein | Brasil | Canadá | Suíça | Chile | Colômbia | República Checa | Alemanha | Egito | Espanha | França | Reino Unido | Grécia | Hong Kong |Hungria | Indonésia | Irlanda | Índia | Itália | Japão | Kuwait | Cazaquistão | Luxemburgo | Marrocos     | México | Malásia | Nigéria | Holanda | Noruega | Nova Zelândia | Omã | Peru | Polônia | Portugal | Catar |Romênia | Rússia | Arábia Saudita | Suécia | Singapura | Turquia | Republika Chińska | Ucrânia | EUA | Venezuela | África do Sul

 


publicado por Alvaro Faustino, em 18.05.16 às 17:25link do post | | adicionar aos favoritos

 

A ISA, International School of Amsterdam, tem alunos de origens portuguesas e pretende para o lugar de Professor Particular, uma pessoa com as qualificações abaixo descritas, para aulas de português.

Se preenche os requisitos pedidos e está à procura de emprego, eis aqui uma boa oportunidade no ensino do nosso idioma no estrangeiro.

Pretende-se pessoas já a viverem na área de Amsterdam, ou pelo menos, já na Holanda.

 

A pedido da ISA, segue-se a Oferta de Trabalho:

Portuguese tutors needed:

The International School of Amsterdam (ISA), located in the Amsterdam suburbs, is seeking a Portuguese tutor for children from Portugal,  with varying degrees of proficiency in the Portuguese language.  Ideally the tutor is already located in the Amsterdam area.

 

ISA follows the International Baccalaureate programs.  In grades 6-10 (children ages 11-16) the IB Middle Years Program (MYP), mother-tongue Portuguese children follow a literature-based language development program designed to use high quality texts to facilitate a child's language development, focuses particularly on consolidating and expanding already strong reading and writing.  For children developing their Portuguese language skills, the IB MYP Language B -- Language Acquisition framework -- is followed.

  

Some practical details of the tutoring position:

  • tutors are not ISA employees; rather, they are employed by the parent and ISA provides guidelines for the courses taught;
  • each lesson is between 75 and 90 minutes, depending on the course.  
  • tutoring conditions are specified by ISA's tutoring guidelines.  The most important points are

o a maximum rate of €50 per hour can be charged for students in MYP (grades 6-10); a maximum rate of €75/hour for Diploma classes.

o If more than one child is in the class, the cost of the lesson is shared between the children in the class.  (For example, if there are two children in the class, the maximum cost the tutor may charge for the class is 50 euros per hour, with each child paying 25 euros per hour.)

o all billing of lessons must go through ISA's business office.

 

In seeking a tutor, it's always useful to seek the ideal qualifications.  To this end, ISA believes the best tutors have the following language background and education experience:  

  • mother-tongue/native speaker of the language who has been educated in the educational system of the language's culture. (eg:  a Portuguese speaker who grew up in Portuguese schools in Portugal is ideal.);

 

For the literature based program:

  • a good understanding of the literature of the language;
  • an ability to teach formal academic writing in an engaging manner;
  • certified teacher because a certified teacher usually has a good understanding of child development;
  • teacher who understands and has taught the language;
  • tertiary education/university education with literature and writing as the field of study;
  • very good English language skills.  (Necessary for effective communication with ISA and understanding of the program that s/he must teach the students.)

 

For the language acquisition program:

We are also seeking a tutor with experience teaching the Portuguese language to near beginners, aged 10 and 13.  These children are Portuguese nationals who have grown up with some background in Portuguese but need a structured Portuguese language learning program with an enthusiastic teacher who enjoys working with adolescents. 

 

 

Please note that the above are all ideal; some of the above qualifications could be a very good starting point for a potential tutor.  

 

Interested?  Please send your CV, in English, to mothertongue@isa.nl .

 

Por uma comunidade forte, unida e informada.

Portugueses na Holanda Blog

Portugueses na Holanda Facebook

Grupo Trabalho na Holanda


Entre em Contacto
Portugueses na Holanda no Facebook
pesquisar
 
Janeiro 2017
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2
3
4
5
6
7

8
9
10
11
12
13
14

16
17
18
19
20
21

22
23
24
25
26
27
28

29
30
31


Links de Interesse
Comentários Recentes
Olá Carlos. Pode através dos links de agências imo...
Olá boa tarde antes de mais felicitações pro blogu...
Olá Ricardo. Sobre as leis de trabalho na Alemanha...
Ola Boa Noite,Estou a terabalhar ja ha 3 anos na h...
Gostaria de saber que direitos tenho e o que devo ...
Olá Ana. Para procurar trabalho, use uma das nossa...
Bom dia, o meu marido encontra-se a trabalhar em R...
Ola estou a morar na Holanda ha 3 meses. Trabalho ...
Caro José. Uma vez que é a Holanda que lhe irá pag...
Boa noite no caso de ser despedido poderei receber...
Tráfego internet
blogs SAPO
subscrever feeds